Destrepe

Naquele dia o Conhecido Educador chegou em casa cansado de tanto aconselhar as mãezinhas Globais e suspirou aliviado ao ver a esposa. Deu um selinho rápido e disparou:
– Cadê Juninho? Dormindo?
– Graças a Deus!
– Conta. Como foi?
– Foi tenso. Me bateu, chutou, tentou rasgar a minha blusa, chorou, se jogou no chão…
– E vc?
– Eu? Fui guerreira. Desci na altura dele e tentei fazer com q ele fosse coerente. Expliquei q com 1 ano e 20 dias, andando como ele anda, não fazia mais nenhum sentido aquela mamação sem fim.
– Falou sobre os outros alimentos?
– Falei… tentei lembrá-lo do quanto ele gosta de consumir os produtos Nestlé: leites, papinhas, farinhas… Expliquei várias vezes pra ele que o peito não era mais alimento pra ele, q ele já podia comer de tudo. Continuar lendo

Anúncios